O valor das Palavras

Parece que quanto mais o tempo passa mais as pessoas parecem despreocupadas com o falar, como se suas opiniões fossem tão valiosas que não pudessem ser guardadas. Precisam falar a qualquer custo; não importa pra quem, como, quando ou onde. Aprendi que “Como maçãs de ouro em salvas de prata, assim é a palavra dita a seu tempo” (Provérbios 25.11). A seu tempo, ou seja, quando solicitada e se necessária.

A Palavra de Deus sempre deixa claro que temos que tomar cuidado com tudo que sai de nossa boca, pois pode ser para o bem, mas também pode contaminar (Mateus 15.11).

632ae538139edd807830177d87450ac9

 

Quantas vezes temos que lidar com “alfinetadas” no trabalho, no círculo de amigos, na família, e a vontade de responder a altura logo vem e muitas vezes agimos pela emoção e acabamos por ferir com a mesma arma com que fomos feridos, só para nos sentirmos superiores. E ao invés de apaziguar criamos contendas e entristecemos ao Pai.

Ele nos pede em todo o tempo para agir com sabedoria e são momentos como estes que praticamos o que temos aprendido. Pensar duas vezes antes de responder qualquer pergunta ou brincadeira inconveniente é essencial para o bom convívio. O silêncio é uma arma poderosa para qualquer pessoa, e muitas vezes a melhor das respostas.

E não deixe sua mente se ocupar de coisas vis, de coisas passageiras. Ocupe-se de projetos, trabalho, do seu ministério, do seu relacionamento com o Senhor e com sua família, “porque, da muita ocupação vêm os sonhos, e a voz do tolo da multidão das palavras.” (Eclesiastes 5.3). Quando estamos cheios do que é bom, perfeito e agradável, não nos preocupamos mais com ataques externos, porque o que está em nós é bem maior (I João 4.4).

Permita que da sua boca saia palavras para vida (Provérbios 18.21), para trazer diferença no ambiente que você frequenta e tocar todos que te cercam. Não haverá quem não possa notar que o que há em você sobressai aos demais, que de você vem amor, perdão e cuidado com o próximo.

“Meus amados irmãos, tenham isto em mente: Sejam todos prontos para ouvir, tardios para falar e tardios para irar-se” (Tiago 1.19).

 

Camila Amorim

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s